Empreendimentos Digitais

Atualmente, mais do que apenas movidos por bons salários, os profissionais no mercado estão à procura de boas condições de trabalho, comodidade, flexibilidade, e, acima de tudo, de uma atividade que lhes permita se sentir recompensados pelo investimento de tempo e esforço e que gere prazer e satisfação. Bastante em função disso, o empreendedorismo no Brasil tem se fortalecido cada vez mais e as pessoas vêm encontrando novas formas de guiar o próprio negócio. Dentro de situações como estas, é comum que o profissional decida tirar algum sonho do papel, abrindo a sua própria empresa individual.

Além disso, com o acesso a internet cada vez mais simples e a ampliação das possibilidades de atuação nesse ambiente, o empreendedorismo digital surge como nova (e forte) tendência.

Agora, mesmo sem uma equipe grande ou uma estrutura física complexa, é possível começar a empreender. O espaço virtual oferece cada vez mais recursos para que qualquer negócio possa ser executado e, a exemplo de grandes sucessos, como da gigante de moda Dafiti e do iPED, com todos os seus conteúdos educacionais, é possível ser reconhecido com uma marca e um trabalho sem sair muito da realidade online.

O empreendedorismo digital permite que profissionais em geral possam começar um negócio investindo muito pouco financeiramente e que tenham um rápido retorno a partir dos esforços corretos. Portanto, essa é uma atividade que deve ser iniciada com um bom planejamento para que não gere mais frustrações do que lucros.

Ter uma boa noção do mercado em que você pretende atuar, além de referências de outros empreendedores digitais é um bom começo. Entender também que a realidade virtual funciona de forma diferente da física e que isso interfere no modo como as pessoas empreendem, pode ajudar.

E se você quer ter seu próprio negócio, vê o digital como uma boa oportunidade, mas ainda não sabe por onde começar, esse artigo vai ajudar bastante. Aqui você vai conferir o que é empreendedorismo digital, as vantagens de se aventurar nesse modelo, ver dicas para começar, entender conceitos fundamentais e muito mais.

 


O que é empreendedorismo digital?

Empreendedorismo digital é o ato de criar um negócio que funcione de forma digital, principalmente na internet. Saiba tudo sobre o ambiente digital e entenda como fazer negócios nesse espaço.

Um empreendedor digital é aquele que usa da inovação para criar novos negócios utilizando a internet, podem ser chamados também de “empreendedor da internet”.

Assim como nos empreendimentos offline, quando se trata de empreendedorismo digital, o objetivo da maioria das pessoas é obter lucro e trabalhar com condições de trabalho mais flexíveis e simples. Diferente dos empreendimentos offline, o empreendedorismo digital normalmente pede um investimento inicial menor e não exige uma estrutura física complexa para seu funcionamento.

Um negócio digital pode ser um e-commerce, um marketplace, um portal de cursos, um serviço oferecido online, um blog com conteúdos e muitos outros.

 


4 motivos para se aventurar no empreendedorismo digital.

O conceito de empreendedorismo digital tem se popularizado cada vez mais no país e existem fortes motivos que podem levar uma pessoa a se aventurar por esse tipo de negócio. Separamos 04 que são bem convincentes:

 


1. Crescimento do ambiente virtual e facilidade de acesso a internet.

Com a constante expansão da internet e a crescente facilidade de acesso ao virtual a partir de dispositivos como smartphones e tablets, esse ambiente se torna propício não só para a divulgação de produtos e serviços, mas para a consolidação de empreendimentos totalmente digitais.

Segundo dados do IBGE apresentados no primeiro semestre de 2016, 54% dos brasileiros já têm acesso a internet e a tendência é que esse número continue subindo cada vez mais a medida que a internet se torna mais popular entre pessoas de diferentes faixas etárias e é acessível independente de condições financeiras. Além do mais, de acordo com uma pesquisa do E-bit, apenas nos primeiros 6 meses de 2016 houve um crescimento de 5,2% no comércio eletrônico e os consumidores virtuais ativos também cresceram em 31%, atingindo a marca de 23,1 milhões.


2. Negociações dinâmicas.

No ambiente virtual é muito mais simples realizar negociações e manter um empreendimento dinâmico. Isso porque se elimina a necessidade de encontros presenciais, todas as transações são feitas de forma instantânea e na maioria das vezes não existem questões como horário de funcionamento, disponibilidade de vendedores e etc.

É tudo mais rápido, simples e essa flexibilidade e dinamicidade beneficiam tanto o empreendedor quanto os clientes, que atualmente prezam por simplicidade e rapidez nas negociações.


3. Facilidade de atingir muitas pessoas.

Com cada vez mais gente conectada, é muito mais fácil fazer com que seu negócio consiga impactar diferentes pessoas e que ele ganhe visibilidade a nível nacional e até mundial. As notícias na internet correm rápido!

Enquanto em um negócio tradicional você teria sua atuação bastante limitada por questões como barreiras geográficas e dificuldade de acesso, por exemplo, na internet, com o empreendedorismo digital aliado a boas práticas de marketing e publicidade, você consegue fazer com que pessoas de diferentes partes conheçam seu negócio e comprem dele.


4. Investimento inicial e custos de operação reduzidos.

Estrutura física complexa, muitos funcionários, investimento em equipamentos, mobília e etc… Esqueça isso tudo! Para começar a se aventurar no empreendedorismo digital, algumas vezes você só vai precisar de você mesmo e de um computador. É claro que isso varia de acordo com o tipo de negócio que você pretende criar e com a verba inicial disponível. Porém, em algumas situações é totalmente possível e mais do que suficiente.

Além do mais, com um empreendimento digital, grande parte dos custos que você teria com algo físico passam a não existir, como aqueles referentes a manutenção da equipe, do espaço, deslocamento para realização de reuniões e outros.


Como ser um empreendedor digital?

Por mais simples que pareça, começar a empreender na internet, assim como no modelo tradicional, requer muito cuidado, planejamento e esforço. O investimento financeiro inicial pode até ser menor, mas é importante que se esteja atento ao mercado que você pretende atuar, que se trace estratégias comerciais, de marketing, e que cada passo seja dado de forma inteligente e voltada para gerar lucros ao negócio.


 

E além disso, três atitudes podem te auxiliar na hora de começar um negócio na internet de forma efetiva:

1. Escolha um nicho de mercado.

Apesar da internet possibilitar que você atinja pessoas de diferentes lugares e com perfis muito variados, é importante que você não tente oferecer um produto ou serviço que sirva para todo mundo, ou ele pode acabar não servindo a ninguém.

Escolha um nicho de mercado. Foque em resolver uma dor específica de um grupo de pessoas e chegue nessas pessoas! Busque uma solução assertiva e efetiva para um problema ou necessidade já identificados.


2. Elabore um plano de negócios.

Estabelecer algumas diretrizes para seu negócio também é extremamente importante. Não adianta apenas começar a empreender na internet sem ter uma definição dos seus objetivos, do que você pretende com o negócio, de como ele vai funcionar e se sustentar ou dos riscos que ele corre.

Nesse momento, é preciso agir de forma calculada para que os primeiros passos do empreendimento sejam dados com segurança. O ideal é que você estude sobre empreendedorismo, organize suas ideias e documente tudo!

Preencher um canvas ou fazer um plano de negócios completo pode ajudar muito. Além de te fazer enxergar as potencialidades de seu empreendimento, eles vão mostrar o que ainda precisa de ajuste, quais os pontos vulneráveis do projeto e indicar como prosseguir de forma ideal. Se você não está familiarizado com nenhuma das duas ferramentas,


3. Monetize.

Se você fez um plano de negócios ou preencheu o canvas, provavelmente já pensou nesse ponto. Porém, vale reforçar! Independente de qual é o seu empreendimento digital, pensar em como seu ele vai ganhar dinheiro é extremamente importante e vai ser decisivo para que ele seja um sucesso.

Mesmo que seu objetivo não seja o lucro, é importante que qualquer empreendimento tenha capacidade de se sustentar sozinho e não dependa de constantes investimentos ou ajudas financeiras. Portanto, pense como o dinheiro vai chegar até seu negócio.

As pessoas vão pagar por um produto ou serviço? Vão adquirir algum conteúdo? Isso vai ser feito de uma só vez ou por uma assinatura mensal? Qual será o preço cobrado? Ele é suficiente para compensar os gastos da empresa e manter o negócio de forma sustentável? Em quanto tempo eu pretendo ter retorno sobre meu investimento inicial? E qual o retorno esperado?

É importante ter tudo isso e outros pontos definidos antes de colocar um empreendimento no ar, ou ele pode fracassar ainda nos primeiros momentos de vida.

 

SHOPPING CART

close